No teatro como na vida real

Sexta-feira, 14 de junho // 21h30 // Teatro Municipal de Matosinhos-Constantino Nery

Podia ser uma história das crónicas policiais dos jornais diários, mas é, desta vez, apenas teatro. “Pesar”, a peça escrita em 2000 por Regina Guimarães e Saguenail, sobe esta sexta-feira, 14 de junho, ao palco do Teatro Municipal de Matosinhos-Constantino Nery, incitando a refletir sobre o mundo em que vivemos e sobre as histórias dramáticas que sucedem mesmo debaixo dos nossos distraídos narizes.

Encenada por Alexandra Oliveira, que também assina a cenografia e os figurinos, “Pesar” conta a via sacra de uma jovem mulher, Clara, vítima de violência por parte dos vários homens com os quais se relaciona. Ambicionando construir uma família conforme aos ideais pequeno burgueses da sociedade em que vive, Clara usa a filha ora como escudo, ora como arma de arremesso, afundando-se numa espiral de insana de dependência e isolamento. Abandonada pelos amantes e agredida pelas autoridades, acaba por pôr fim à vida.

“Pesar” conta com a interpretação de Alexandre Sá, Rita Burmester e Tiago Sines, e com música de Pedro João Rosário, dando vida a uma história imaginada há quase duas décadas por um dos mais criativos casais da cena cultural nacional. Nascido em Paris em 1955, Saguenail (Serge Abramovici) é realizador de cinema e companheiro de Regina Guimarães desde 1975. Ela é escritora e autoras de algumas das mais conhecidas canções da banda Três Tristes Tigres, entre outras. Juntos são autores de projetos culturais em várias áreas.

Preço dos bilhetes: 7,50€. Para crianças até aos 14 anos, estudantes e maiores de 65 anos: 5€, Desconto de 20% para compras superiores a 10 bilhetes.

Matosinhos, paços do concelho, 12 de junho de 2019

Jorge Marmelo

Assessor de Imprensa

Telefone: 229 390 900 (ext. 330061)

Telemóvel: 910 730 296

E-mail: jorge.marmelo@cm-matosinhos.pt

Web: http://www.cm-matosinhos.pt

O que acha?

Heitor Ramos

Read Previous

Élvio Santiago na Festa do 6.º aniversário da Rádio Matosinhos Online

Read Next

Mozart, Beethoven, Piazzolla e Óscar da Silva para ouvir no ciclo de piano de Matosinhos

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *